DIAGNÓSTICO DA FERTILIDADE

Para chegar ao diagnóstico e indicar o melhor tratamento para cada família os médicos especialistas em reprodução humana solicitam exames. Alguns são realizados no CEFERP mesmo, como o espermograma e a contagem dos folículos antrais (via ultrassom transvaginal). Veja a seguir como se dá o diagnóstico para homens, mulheres e para o casal.

Avaliação da fertilidade do Casal

A consulta para avaliação médica é imprescindível para sabermos se há possibilidade de realizar o tratamento e quais procedimentos devem ser realizados. Todas as dúvidas podem e devem ser discutidas na consulta médica. A maioria dos casais com dificuldades em engravidar não são estéreis, porém são inférteis ou subférteis, ou seja, tem uma chance reduzida de conceber espontaneamente. A infertilidade é de causa feminina em cerca de 40% dos casos, e do homem em outros 40%. No restante, a infertilidade resulta de problemas em ambos os parceiros ou é idiopática (sem causa aparente).

A presença da infertilidade idiopática pode, na realidade, possuir uma ou mais causas, como falha na captação do óvulo pela tuba (“ovulação”), falhas de fertilização (defeitos nos espermatozoides ou óvulos de má qualidade), e falhas de implantação (dificuldade no embrião se fixar ao útero). Com a finalidade de identificar se há infertilidade e quais as suas causas existem diversos exames clínicos e laboratoriais realizados tanto no homem quanto na mulher. Só a partir da análise desses é que saberemos qual o tratamento necessário para cada caso.

Sorologia

Exames para o início do tratamento. Quando houver uma data para realização do tratamento, independente de qual for, o casal deverá realizar os seguintes exames sorológicos:

  • Hbs Ag
  • Anti HIV
  • Anti HCV
  • Anti HTLv1 e Anti HTLv2
  • Anti HBC
  • VDRL
  • Zika IgM

Avaliação da fertilidade da mulher

  • Histerossalpingografia

    É um exame de Raio-X em que se injeta um contraste dentro do útero e das tubas uterinas, através do colo. O contraste permite a visualização do trato feminino através de uma tela de vídeo e documentação radiológica. Caso haja alguma obstrução ou anormalidade esta poderá ser observada. Este exame deve ser realizado em algum momento entre o final do período menstrual e a ovulação (até 12 dias após o início da menstruação).

  • Ultra-som Transvaginal

    Este exame permite visualizar o útero e os ovários, fazendo observações quanto à forma e tamanho destes, além de localizar possíveis cistos ovarianos, miomas, pólipos, etc.

  • Dosagem Hormonal

    As Dosagens Hormonais permitem avaliar a integridade do sistema hormonal feminino, identificando causas hormonais, muitas vezes latentes para a infertilidade. Sua análise, juntamente com o quadro clínico e ultra-sonográfico, poderá diagnosticar causas clínicas como: hipo/hipertireoidismo; ovários micropolicísticos; insuficiência do corpo lúteo, entre outras, que dificultam conseguir a gravidez.

  • EndoscopiaGinecológica

    Indicações para Histeroscopia diagnóstica: Infertilidade; Abortamento habitual; Sangramento uterino anormal; Pólipos; Miomas; Aderências; Espessamento do endométrio; Adenocarcinoma do endométrio. A histeroscopia diagnóstica é um exame realizado para observar a cavidade uterina e o canal cervical. Pode ser feita com sedação leve, em regime laboratorial.

    Indicações da videolaparoscopia diagnóstica: Esterilidade sem causa aparente, dor pélvica crônica, dispareunia crônica e/ou dismenorréia, endometriose, aderências pélvicas, tumores pélvicos, obstrução tubária, suspeita de gravidez ectópica íntegra ou rota. A laparoscopia permite ao médico visualizar o interior do abdômen através de uma ótica que visualiza e o ilumina ao mesmo tempo, transferindo assim a imagem para um monitor de vídeo.

    A Endoscopia Ginecológica permite o diagnóstico e tratamento simultâneo em diversas patologias que afetam o desempenho reprodutivo feminino.

Prof. Dr. Anderson Sanches De Melo

Prof. Dr. Anderson Sanches De Melo

CRM-SP 104.975
RQE nº 44202-1

Médico especialista com formação em Reprodução Humana pelo Hospital das Clínicas da FMRP-USP.

Caso queira mais informações agende sua consulta conosco

Aplicativo CEFERP

Conheça o manual da fertilidade e saiba mais sobre reprodução humana.

Celular